RENAULT FABRICA STARTUPS PARA TURBINAR TECNOLOGIA DOS CARROS

Renault Experience 2.0 definiu três startups para serem aceleradas e entrar de vez no mercado

Renault Experience 2.0 seleciona projetos para transformar em startups Reprodução Renault

Além de produzir automóveis, a Renault agora também fabrica startups. A ideia da sede brasileira da empresa – que atraiu atenção até dos franceses – é se tornar um celeiro de ideias inovadoras em mobilidade urbana. Mas, ao invés de captar empresas prontas, a Renault abriu as portas para grupos de universitários com boas ideias na cabeça. As melhores vão para um programa em que viram startups. Foram 11, no total.

Três finalistas foram selecionadas. Os projetos vão ser acelerados pela Renault (em parceria com a Hot Milk) a partir de julho. O objetivo é formatar 100% o negócio para a garotada entrar com tudo no mercado. Logo elas podem estar operando dentro do seu carro (ou na tela do seu smartphone). Conheça os finalistas:

Move Curitiba

É um aplicativo para aluguel de vagas de estacionamento. Chama Park Care, e funciona de forma colaborativa, ou seja, são os próprios usuários que oferecem ou requisitam suas vagas. Quem tem espaço ocioso em casa (ou no escritório) cadastra as vagas e o valor na plataforma. Quem precisa estacionar abre o mapa e encontra qual a vaga mais perto. Seleciona local, data e horário e paga por ali mesmo, pelo aplicativo.

Ah, além de carros, o Park Care tem opção para motos e bicicletas.

Terpibots

O grupo criou um dispositivo para ajudar o motorista a fugir de postos de gasolina fraudulentos e de mecânicos mal intencionados, que inventam revisões onde não tem.

O aparelho, chamado OnChange, envia dados técnicos em tempo real para uma plataforma inteligente. Lá, eles são transformados em informações úteis para o motorista. Esse “mecânico virtual” traduz os dados, dizendo se entrou gasolina falcatrua no tanque, ou se uma determinada peça está mesmo no fim da sua vida útil.

Para transformar isso em lucro, a startup pretende vender o dispositivo e cobrar uma mensalidade a partir do 2.º ano.

Smart Security

O Smart Security se integra ao alarme tradicional e cria uma versão “inteligente”, que informa em tempo real caso haja alguma coisa insegura acontecendo com o carro.

O aparelho conversa com um aplicativo instalado no smartphone do motorista. Ele envia alertas caso uma criança ou animal de estimação tenha sido esquecido dentro do carro; e se houver arrombamento, mandando também a geolocalização do veículo. Em caso de batidas graves, o app notifica as autoridades de forma automática, também com a geolocalização do carro.

A ideia é do produto é ser um diferencial que montadoras e seguradoras podem oferecer para o cliente.

 

Fonte: http://www.gazetadopovo.com.br/economia/empreender-pme/renault-fabrica-startups-para-turbinar-tecnologia-dos-carros-201rwoblm84enuqwmxj8g8z5y