POR QUE INVESTIR EM STARTUPS?

Por Luana do Bomfim e Araujo, Advogada da área de Contrato & Societário do Escritório BECKER DIREITO EMPRESARIAL

Cada vez mais encontramos empresas novas lançando no mercado produtos e ideias totalmente inovadoras, ou ainda aprimorando ou facilitando o uso de produtos e serviços que já existiam no mercado e fazem parte do dia-a-dia das pessoas e das empresas. Quantas vezes, diante destas novidades, não pensamos: que ótima ideia! Ou ainda: mas como ninguém pensou nisto antes?! Pois além de usufruir de tantas novidades, é possível também adquirir ações e se tornar parte destas empresas, as chamadas startups.

Muitos negócios de sucesso nasceram dentro deste conceito. Dentre um destes modelos bem-sucedidos, podemos citar a Contabilizei (escritório de contabilidade à distância que opera de modo ágil, econômico e transparente) e a TruckPad (aplicativo que conecta caminhoneiros a cargas e se tornou uma das maiores transportadoras do brasil sem ter nenhum caminhão). Para o investidor que apostou nestas empresas, o lucro chegou a 700% ao ano para a primeira e R$3,6 milhões para a segunda e estas empresas adotaram um modelo de negócios escalável, em que o lucro é muito superior ao investimento, se tornando um negócio altamente lucrativo para os investidores.

É claro que nem sempre o investimento é bem-sucedido, pois muitas startups não chegam a decolar e se tornar um negócio de sucesso, e nestes casos, o investidor perde seu investimento. Portanto, é um modelo de negócio que permite altos ganhos, mas também é de alto risco.

Para aqueles que pretendem investir nas startups, muitas delas disponibilizam esta oportunidade, oferendo uma participação minoritária na empresa através das chamadas equity crowfundings, mais conhecidas como “vaquinhas virtuais”. Estes investimentos foram regulamentados através da Instrução nº 588, a CVM, que facilita tanto a captação e levantamento de recursos pelas startups, quanto o acesso de investidores à negócios que podem ser bem-sucedidos. No brasil, há várias plataformas para este fim, e os investidores podem ter acesso à várias informações destas empresas, seu modelo de negócio, valor de investimento, expectativa de retorno de investimento, prazo para retorno, entre outros.

Recomendamos que, para aqueles que desejam investir neste modelo de negócio, ou ainda para aqueles que tem um modelo de negócio e que pretendem captar investimentos para alavancar seu projeto, que procurem um especialista, que analisará o risco, e fará todas as recomendações. Sucesso!