PEPSICO INVESTE PARA TRAZER PRODUÇÃO DA BATATA FRITA LAY’S PARA CURITIBA

Aumento da demanda na região Sul motivou a expansão da marca, que antes só era focada para a região Sudeste

A PepsiCo, fabricante de produtos como Quaker, Toddy e Gatorade, vai trazer para o Paraná a produção da batata Lay’s, que retornou ao mercado brasileiro em 2013 depois de 12 anos. Inicialmente, a produção estava concentrada na região Sudeste, na fábrica do grupo em Sete Lagoas, em Minas Gerais. A crescente demanda pelo produto no Sul do país e a estratégia de otimização da malha logística motivaram a vinda para a fábrica instalada em Curitiba.

Veja como é fabricado o salgadinho Cheetos

Eduardo Sacchi, diretor de manufatura da PepsiCo Nacional, afirma que a nova operação na unidade curitibana vai atender os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, e que o volume de produção também deverá aumentar. “Isso vai movimentar vários mercados da região, como o dos produtores rurais, manufatura, supply chain, transporte e otimização de frete”.

Como a fábrica em Curitiba já atua com foco na produção de salgadinhos e snacks, poucas mudanças foram feitas no processo entre a colheita até a chegada ao consumidor. A única mudança na estrutura da empresa foi a vinda de um novo sistema de empacotamento, que produz as embalagens exclusivas da marca Lay’s, nos formatospush pop (30g) e pillow (96g). Para isso, os funcionários da empresa visitaram outras fábricas e aprenderam a trabalhar com o novo sistema.

Além disso, os produtores rurais da cidade de Contenda (PR), que já recebiam suporte da PepsiCo através do Programa Agro, que incentiva a prática sustentável, receberam também o apoio da empresa para aumentar a produção e conseguir suprir a nova demanda da fábrica.

Produção com responsabilidade

Ao todo, a PepsiCo possui 15 fábricas em todo território nacional, operando 32 marcas. Em Curitiba, a fábrica da Pepsico possui 90 mil m² e conta com aproximadamente 400 funcionários, distribuídos por seis linhas de produção. Na região Sul há também outra fábrica em Porto Alegre (RS), voltada para o mercado de cereais.

Sacchi reforça a preocupação do grupo com a sustentabilidade. Ele explica que toda a água usada no processo de fabricação é reutilizada e que os alimentos descartados são destinados ao consumo animal.

 

Fonte: http://www.gazetadopovo.com.br/economia/pepsico-investe-para-trazer-producao-da-batata-frita-lays-para-curitiba-3zc4dyuj7z1r75toqbrcqpfao